Fotofobia não é doença, mas é um sintoma que precisa ser investigado

  • 28/07/2022

Fotofobia não é doença, mas é um sintoma que precisa ser investigado

De alguma forma, em algum momento, todo mundo tem alguma sensibilidade à luz ou à claridade. Mas quando isso é muito forte e constante, pode ser fotofobia, e precisa ser investigado.

A fotofobia não é uma doença, mas é um sintoma que merece atenção, principalmente quando incomoda a ponto de não conseguir olhar ou manter os olhos abertos em ambientes muito claros, seja com luz natural ou artificial, ou diante de telas que refletem luminosidade, como TV, celular e computador. 

Muitas vezes, essa sensibilidade também causa irritação, lacrimejamento e até dor nos olhos.

Nesses casos, a fotofobia é considerada grave e é necessário procurar um oftalmologista para investigar as possíveis causas, embora nem sempre esteja associada a problemas oculares. Além disso, é recomendado usar óculos escuros com 100% de proteção contra os raios UV, mesmo em dias nublados.

🔹Dentre as possíveis causas, estão:
🔹Doenças da córnea
🔹Olhos secos
🔹Doenças da retina
🔹Papiledema (edema do disco óptico)
🔹Neurite óptica
🔹Doença ou inflamação nos olhos (como episclerite ou glaucoma)
🔹Enxaqueca
🔹Albinismo
🔹Depressão
🔹Meningite
🔹Intoxicação por mercúrio
🔹Lesão na cabeça
🔹Uso de drogas, como cocaína e beladona
🔹Toxoplasmose
🔹Uso errado de medicamentos
🔹Herpes

 

Leia também

Por que fazer o checkup oftalmológico

X
Conversar agora
Como posso te ajudar?
Olá!
Como posso te ajudar?